Balanço do final de semana aponta 9 mortes na região do cariri - Portal Aurora Notícias

Balanço do final de semana aponta 9 mortes na região do cariri

Compartilhar


Entre o último sábado (24) e a madrugada desta segunda-feira (26), nove corpos deram entrada no Núcleo da Perícia Forense Regional do Cariri para serem necropsiados. As mortes ocorreram nos municípios de Juazeiro do Norte, Barbalha, Crato e Santana do Cariri.

No sábado (24), por volta das 07h20 minutos, no bairro Parque Recreio, em Crato, o adolescente Carlos Henrique de Araujo Donato, 16 anos, foi encontrado sem vida num matagal por populares. De acordo com exames preliminares da Perícia Forense, foi constatado que a vítima foi morta com um disparo de arma de fogo na nuca. Segundo informações da polícia familiares do jovem assassinado acusam como autor do homicídio, um primo da vitima o qual não teve o nome informado a imprensa para não atrapalhar as investigações.

Já no domingo, dois homens foram mortos a tiros num intervalo de cinco horas. Em Juazeiro do Norte, por volta das 16h20 minutos, na Rua Mirtes Alves de Menezes, bairro Campo Alegre, Cicero de Araújo Bezerra Martins, 29 anos, foi executado a tiros por desconhecidos ocupantes de um veículo de cor vermelha e demais características não informadas. Após a prática do ato criminoso os acusados fugiram tomando rumo ignorado. O SAMU compareceu ao local, mas os profissionais de saúde só atestaram o óbito. Cicero de Araújo não tinha passagens policiais. Este foi o quarto homicídio do mês de março em Juazeiro e o décimo sexto do ano na cidade.

Em Barbalha, por volta das 21h20 minutos, Francisco Maceildo de Melo Matias, 31 anos, que residia na cidade de Juazeiro da Bahia, foi morto a tiros com disparos de arma de fogo tipo pistola calibre 380, na Rua Paulo Marques com projetada “N” próximo ao número 265, parque Bolandeira. A autoria do crime e a motivação são desconhecidas.

Afogamentos

Duas mortes por afogamento foram registradas neste domingo (25) no município de Santana do Cariri. A primeira morte ocorreu no açude ‘Maria de Né’, localizado no Sítio Latão, as margens da rodovia CE 292 nas divisas dos municípios de Nova Olinda e Santana do Cariri. O jovem aposentado, Jhorkaeff Bezerra de Sousa, 19 anos de idade, que morava na rua Raimundo Gomes de Matos, bairro São Miguel em Crato, participava de uma ação evangelizadora entre amigos integrantes da ordem religiosa “testemunhas de Jeová”, quando em determinado momento adentrou nas águas do reservatório vindo a se afogar. Ele ainda chegou a ser resgatado com vida pelos seus colegas, mas veio a óbito minutos depois. De acordo com familiares de Jhorkaeff ele era acometido de epilepsia, o que abre a hipótese dele ter sofrido uma crise epilética no manancial.

Horas depois, um bebê vítima de um afogamento ocorrido no Distrito de Dom Leme deu entrada no hospital Nossa Senhora de Santana. Segundo informações, Ícaro Rayan da Silva Macário, que no dia 11 deste mês de março havia completado dois anos de idade brincava próximo a um poço d’água no quintal da residência da família quando num descuido de parentes que cuidada dele, caiu dentro do reservatório se afogando. A polícia judiciária irá abrir um inquérito para apurar a responsabilidade pela morte da criança.

Mortes no Trânsito

Três pessoas faleceram no Hospital Regional do Cariri neste domingo (25). Pela manhã o jovem Jucélio Gomes da Conceição, 28 anos que residia na Vila Cavaco, em Juazeiro do Norte, veio a óbito. Ele havia sido vítima de um acidente de transito dias atrás. No período da tarde, outras duas vítimas da violência no trânsito também vieram a falecer. O Agricultor Jose Alves Teixeira, 55 anos que morava Sitio Riacho Grande, Zona Rural de Antonina do Norte, e o também agricultor, Carlos Diego Coelho de Oliveira, que no último dia 21 completou 20 anos de idade e residia Sitio Cunhã Poti, zona rural de Quixelô.

Complicações de saúde

Tertulina Ferreira Dantas, 91 anos de idade, que morava na rua Árvore de Natal, Parque Frei Damião, em Juazeiro do Norte, faleceu na madrugada de domingo em um dos leitos do Hospital Regional do Cariri. Ela havia sido socorrida após sofrer uma queda, vindo a falecer pouco tempo depois. O corpo de Tertulina foi encaminhado para o Núcleo da Perícia Forense aonde após ser submetido a necropsia, os médicos constataram que a causa da morte não foi provada pela queda, mas sim outras complicações de saúde.

Por Henrique Macêdo / Redação Aurora Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário