Mortes no cariri: Balanço do final de semana aponta três mortes violentas - Portal Aurora Notícias

Mortes no cariri: Balanço do final de semana aponta três mortes violentas

Compartilhar
Foto: Ilustração
Por Henrique Macêdo

Entre a noite da última sexta-feira (26), e o início da manhã desta segunda-feira (28), foram registradas três mortes consideradas violentas na região do cariri conforme os registros das polícias Civil e Militar, entre homicídios e acidente com vítima fatal nos municípios de Juazeiro do Norte, Jardim e Aurora.

A primeira morte ocorreu no distrito de Corrente, município Jardim. A vítima Francisco Filgueira Sampaio Filho, 24 anos, apelidado por “Nenca”, foi executado a tiros no interior de um bar por indivíduos desconhecidos  que chegaram em carro de características não anotadas, e sem qualquer discussão efetuaram cerca de oito tiros contra a vítima para em seguida figurem para lugar ignorado. "Neca" ainda chegou a ser socorrido para o hospital de Jardim, mas faleceu ao dar entrada naquela unidade hospitalar.

Em Aurora, por volta das 22h30, uma colisão de motos na Avenida João Joaquim dos Santos, Bairro São Benedito (Aurora Velha), deixou um saldo de uma pessoa morta e outra ferida. O  mecânico José Alves Rodrigues, de 46 anos, conhecido como “Narcélio” pilotava a sua moto Honda CG 125 Titan e não usava capacete quando colidiu frontalmente na moto Honda POP 100 pilotada por Rubens Arthur Fernandes Justino, de 18 anos. "Narcélio" que trabalhava em uma oficina localizada no bairro Beira Fresca teve morte imediata, enquanto Rubens foi socorrido para o Hospital Geral Ignez Andreazza ficando em observações.

Por volta das 04h00 da madrugada do sábado (26), foi registrado em Juazeiro do Norte. O crime ocorreu no cruzamento das ruas São Damião com Zé Marrocos, bairro Santa Teresa, área conhecida na cidade por “Faixa de Gaza”. A vítima foi identificada como sendo o morador de Rua Regivaldo Farias Santos, de 36 anos, o “Regis” ou “Aleijadinho”. Ele foi executado enquanto dormia. A autoria do ato criminoso ainda é desconhecida, diz a policia. "Regis" era alcoólatra e pedia esmolas na área e respondia procedimento por ameaça contra uma mulher.



Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do Portal Aurora Notícias no (88) 99799-9345.