Foto: Ilustração
Por Henrique Macêdo

Entre a manhã da última sexta-feira (8), e a manhã desta segunda-feira (11), oito corpos deram entrada no Núcleo da Pericia Forense em Juazeiro do Norte para fins necropsiais decorrentes de acidentes de trânsito e homicídios. Juazeiro registrou o maior número de mortes com quatro Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI). Também foram registrados homicídios nos municípios de Crato e Mauriti, acidentes automobilísticos envolvendo motocicletas em Araripe e também no Crato.

Em Juazeiro, na madrugada da última sexta-feira (7) no bairro Franciscanos, mais precisamente na Rua Limoeiro próximo a Rua São Mamede, dois homens que moravam em Fortaleza foram executados a tiros.  Um dos mortos identificado por Adriano Cavalcante da Silva, 24 anos, foi atingido com 06 tiros. A outra vítima, Josué de Lima da Silva, 25 anos, foi assassinado com 08 disparos.

A terceira execução ocorreu por volta das 13h00, na Avenida José Bezerra entre as Ruas 7 de setembro e Teodomiro Rocha, Bairro Pio XII. A vítima foi identificada como Cleilson Barbosa Rodrigues 17 anos, apelidado por "Bebê".

Pouco mais de duas horas depois, na Rua Pinto Madeira, bairro Santa Tereza, próximo a Delegacia da mulher, o atleta de futebol das categorias de base do Guarani de Juazeiro, José Geraldo da Silva Júnior, 18 anos de idade, o "Júnior Mossoró", foi morto após ser alvejado com vários tiros de pistola no interior de um restaurante, por um indivíduo não identificado que após a prática do ato criminoso fugiu tomando rumo ignorado.

Nas quatro mortes a Polícia Militar procurou colher informações, mas ninguém soube informar qualquer dado que pudesse a identificar e prender os acusados.

Com essas execuções subiu para 43 número de pessoas assassinadas neste ano em Juazeiro, sendo nove somente neste mês de junho.

No Crato, ex-presidiário Luiz Fernando dos Santos Honório, de 19 anos de idade, foi assassinado a tiros por volta das 02h30 minutos da madrugada do último sábado (9). O crime aconteceu na Rua Padre Ibiapina, em frente ao numeral 804 no bairro Alto da Penha. De acordo com populares, o crime teria sido praticado por dois homens desconhecidos que após praticarem o ato criminoso tomaram rumo ignorado numa motocicleta de características não anotadas. Segundo informações da policia, Fernando já possuía antecedentes criminais por trafico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Este foi o segundo homicídio ocorrido neste mês de junho, em Crato e no 21ª no decorrer de 2018.

Meia hora depois, o comerciante Paulo Anastácio de Sousa, 21 anos de idade, foi assassinado ao ser atingido por três disparos, um no abdômen, um na cabeça e outro no ombro, na Rua Padre Argemiro Rolim, centro da cidade de Mauriti. Ele já respondia procedimento policial por infração ao artigo14, Estatuto do Desarmamento (Lei 10826), porte ilegal de arma de fogo de uso permitido – consumado, do dia 13/02/2018, Inquérito – 82 / 2018, da Delegacia Regional de Brejo Santo-CE. Paulo Anastácio ainda chegou a ser socorrido ao hospital local, mas veio a óbito pouco depois de dar entrada no setor de emergência. De acordo com populares a ação criminosa ocorreu durante uma briga de família. Durante o tiroteio, Wegila Alexandre Silva, 22 anos, foi alvejada no rosto. Ela encontra-se internada no hospital da cidade de Mauriti, em estado de saúde estável, consciente e sob observação médica.

Acidentes

Dois acidentes com vitimas fatais envolvendo motocicletas foram registrados na região do cariri. Um em Crato e outro no município de Araripe. O primeiro ocorreu por volta da 03h30 minutos da madrugada do sábado e teve como vítima o funcionário de uma de distribuidora de bebidas que funciona nas imediações do centro de convenções do cariri, em Crato, Francisco Luciano Teixeira Gonçalves. Ele trafegava em sua motocicleta Honda CG 125 de cor vermelha, placa de HYH-6192, na CE 386 a altura da Vila Padre Cícero, quando perdeu o controle do veículo em uma curva vindo a cair sofrendo traumatismo craniano morrendo instantânea.

Já no domingo, por volta da 03h00 da madrugada, um motociclista morreu após cair na rodovia estadual CE 292, em Araripe. De acordo com a Polícia Militar, Francisco Damião da Silva Vieira, de 18 anos que residia no Sitio Açude Novo, zona rural de Salitre, viajava sozinho em uma motocicleta pela rodovia estadual quando perdeu o controle do veículo, caindo vindo a sofrer traumatismo craniano. Ele ainda chegou a ser socorrido ao hospital municipal de Araripe, mas não resistiu devido a gravidade das lesões. Popularas informaram que a vítima retornava para sua residência procedente de uma festa de vaquejada que estava acontecendo no município de Araripe. A moto que era guiada por ele não foi localizada, não sendo possível colher dados, diz a polícia.

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do Portal Aurora Notícias no (88) 99799-9345.


 
Top