Foto: Reprodução/Globo News

A entrevista concedida pelo candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), aos jornalistas da GloboNews na noite desta sexta-feira, 4, teve final prolongado e tenso.
            
Isso porque o deputado respondeu pergunta do jornalista Roberto D'avila referente à Ditadura Militar, citando, em defesa do regime, editorial escrito por Roberto Marinho, de 1984, em que o empresário classifica o período como "Revolução de 1964".

A emissora, portanto, respondeu a provocação em editorial, falado ao vivo pela jornalista Miriam Leitão com apoio do ponto eletrônico. Na resposta, a emissora reconheceu que apoiou "editorialmente o golpe", mas ressaltou que, em editorial de 2013, errou. 

Confira a resposta da Globo:



Fonte: O Povo

 
Top