Goleiro Everson marca de falta e Ceará vence o Corinthians no Castelão

Com gol histórico do goleiro Everson, o Ceará superou o Corinthians por 2 a 1, no Castelão, na noite desta quarta-feira, 5. A cobrança de falta perfeita no fundo das redes foi o lance do jogo, que marca a segunda vitória consecutiva da equipe na Série A, diante de dois grandes do futebol brasileiro, tendo em vista a vitória na rodada passada contra o Flamengo, no Maracanã.

O relógio da partida marcava 17 minutos de bola rolando, quando Juninho Quixadá, em jogada individual, foi derrubado na entrada da área. O árbitro apitou a falta. Samuel Xavier segurou a bola para o goleiro Everson, que já caminhava tranquilamente ao campo defensivo do Corinthians para a cobrança. O homem do apito demorou dois minutos para autorizar. O camisa 1 do Alvinegro bateu no ângulo, sem chances para o colega de profissão Walter, marcando o seu primeiro gol pelo Vovô e se tornando o 9º arqueiro a balançar as redes pelo menos uma vez na Série A de pontos corridos.

O segundo gol do Alvinegro do Poraganbuçu foi marcado por Calyson, após bela jogada pela ponta esquerda de Leandro Carvalho, aos 11 minutos do 2º tempo. O meio-campista, que estava em baixa com a torcida depois de perder gols decisivos em partidas passadas, fez os 39 mil torcedores enlouquecerem após o seu gol.

O centroavante Roger, ex-Ceará, foi responsável por descontar para o Corinthians, aos 26 minutos. Com o gol, o time paulista aumentou a pressão, explorando jogadas laterais. Entretanto, as investidas corintianas não conseguiram mais furar o bloqueio cearense.

A vitória dentro de casa coroa uma partida quase perfeita taticamente da equipe, tanto defensivamente quanto ofensivamente. A defesa, ponto forte do Vovô na competição, foi bem na marcação do ataque corintiano, neutralizando as principais jogadas. No 1º tempo, os comandados de Osmar Loss só tiveram uma chance clara, aos 34 minutos, com Pedrinho, que chutou por cima do gol.

Quando as finalizações foram no gol, Everson estava lá para segurar o placar a favor do Ceará. Em uma delas, um cabeceio de Romero, o camisa 1 do Poraganbuçu salvou com uma defesaça.

Na frente, os jogadores do setor se redimiram das últimas apresentações abaixo da média no torneio. Entretanto, erros no momento decisivo para balançar as redes voltaram a acontecer. Antes de marcar, Calyson tinha perdido um gol no início da 1ª etapa.

Os selecionados por Lisca tiveram duas posturas na partida. No início do confronto, o Ceará marcou a saída de bola corinthiana e propôs o jogo até o gol de Everson. Depois de ficar em vantagem no placar, o Vovô passou a explorar os contragolpes sem recuar tanto. Desta forma, o Alvinegro do Porangabuçu seguiu até o fim da partida, garantindo o triunfo.

Desfalques

O Ceará terá dois desfalques importantes para a próxima rodada. O goleiro Everson e o atacante Leandro Carvalho levaram o terceiro cartão amarelo contra o Corinthians e vão cumprir suspensão.

Subindo na tabela

O Ceará salta uma posição, assumindo a 18ª posição e ficando a um ponto do 16º colocado, o primeiro time fora da zona de rebaixamento, o Vasco, que joga nesta quinta-feira, 6, e tem um jogo a menos. Agora o clube cearense buscará a trinca de vitórias diante do América-MG, no domingo, 9. Com a derrota, o Corinthians estaciona nos 30 pontos e enfrenta o Palmeiras também no domingo.

Ficha técnica

Ceará 2 x 1 Corinthians
Data: 05/09/2018
Local: Arena Castelão
Horário: 20 horas
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (FIFA-PR)
Assistentes: Bruno Boschilia e Luciano Roggernbaum (FIFA-PR)

Cartões amarelos: Henrique, Douglas, Felipe Jonatan, Leandro Carvalho, Patrick, Everson e Richardson

Público pagante: 39.112
Não pagante: 673
Renda: R$ 1.100.839,00

Ceará (4-2-3-1): Everson; Samuel Xavier, Luiz Otávio, Tiago Alves e Felipe Jonatan; Edinho e Richardson; Leandro Carvalho (Robinho), Juninho Quixadá (Felipe Azevedo) e Calyson; Arthur (Eduardo Brock)

Corinthians (4-2-3-1): Walter; Mantuan, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar; Ralf (Araos) e Douglas (Matheus Vital); Pedrinho, Jadson (Matias) e Romero; Roger

Fonte: O Povo / Foto: Julio Caesar