Onça resgatada por policiais morre por falta de atendimento veterinário

Animal foi atropelado e resgatado por agentes,mas não resistiu
Foto: Edson Freitas

A onça resgatada na tarde desta terça-feira (1º) por agentes da Polícia Militar Ambiental na CE-060, entre os municípios de Barbalha e Jardim, morreu na manhã desta quarta-feira (2) por falta de atendimento veterinário.

"Ela foi atropelada, estava consciente, mas com dores. A viatura tentou contato com veterinários, mas o único que atendeu informou que não tinha experiência com animais silvestres", informou o Tenente Paulo Yrtonny, do Batalhão da Polícia Militar Ambiental.

Ainda segundo o Tenente Paulo, a onça sofreu um atropelamento e a pancada na região toráxica foi muito grande. Além disso, o animal também apresentou fratura nas patas dianteiras. "É lamentável, mobilizamos ela, procuramos atendimento adequado, mas ela não resistiu", acrescentou o militar.

A onça foi identificada como parda, também chamada sussuarana ou de puma. É um dos maiores felinos do País.

Fonte: Diário do Nordeste