Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Vídeos

TV Diário do Sertão

Mais Acessadas

Pesquisar

Homem que matou ex-companheira no Crato tem morte cerebral constatada no Hospital Regional do Cariri

Paulo Roberto Carlos Ramalho, de 34 anos, matou a ex-esposa, Geanne Tavares de Souza, de 28 anos, e depois atirou contra si mesmo.
Foto: Redes Sociais

Por Henrique Macêdo – Redação Aurora Notícias

Um homem que matou a tiros a ex-companheira enquanto ela voltava para casa do trabalho em uma rua próxima a prefeitura do Crato, na noite da última quinta-feira (28), teve morte cerebral constatada nesta terça-feira (5) no Hospital Regional do Cariri, em Juazeiro o Norte.

O vigilante Paulo Roberto Carlos Ramalho, de 34 anos, que residia na Rua São Francisco, nº 235, bairro Pinto Madeira, no Crato, matou a ex-esposa, Geanne Tavares de Souza, de 28 anos, e depois atirou contra si mesmo.

Segundo familiares de Geane, Paulo não aceitava o fim do relacionamento. Amigos da jovem disseram que ela possuía uma medida protetiva contra o ex-marido.

Inicialmente, o vigilante foi socorrido ao Hospital São Camilo, em Crato, mas devido à gravidade no seu estado de saúde foi transferido para o Hospital Regional do Cariri, no vizinho município de Juazeiro do Norte, onde faleceu.

Mesmo com a morte cerebral constatada, Paulo Roberto ainda se encontra na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do HRC.

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do Portal Aurora Notícias no (88) 99799-9345.

Cariri

Comentários