Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Vídeos

TV Diário do Sertão

Mais Acessadas

Pesquisar

Médico que atirou pedra contra bebê é solto novamente

Foto: Reprodução/Redes sociais 

O médico Alcides Muniz Gomes de Matos Filho foi solto novamente, nesta quarta-feira (13). Alcides é suspeito de atirar uma pedra contra um bebê de um ano durante discussão no Crato. O crime aconteceu no dia 28 de fevereiro de 2019, durante discussão do suspeito com o pai da criança.

A decisão pela soltura foi proferida pela desembargadora Francisca Adelineide Viana. A defesa conduzida pelos advogados Leandro Vasques, Nonato Filho, Holanda Segundo e Afonso Belarmino afirmou aplaudir a "lúcida e serena decisão da relatoria do habeas corpus, que com a celeridade adequada, corrigiu o grave equívoco de interpretação que foi praticado pelo juízo de primeiro grau, revelando-se de forma avassaladora que a prisão sempre se mostrou desnecessária”, disse Vasques.

Alcides foi preso pela primeira vez ainda no último dia 28. Ele esteve encarcerado na Penitenciária Regional do Cariri (Pirc), mas foi solto, devido a uma decisão judicial, na terça-feira de Carnaval. No último dia 10 ele tinha sido preso pela segunda vez por supostamente descumprir medida cautelar de não se ausentar de casa durante sua folga.

De acordo com a investigação, os homens discutiram devido a uma dívida de, aproximadamente, R$ 1 mil. O bebê estava no colo da mãe quando foi atingido. A criança sofreu traumatismo craniano e chegou a ser levada para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A criança recebeu alta hospitalar já nesta semana.

Alcides também foi lesionado durante a discussão por um objeto cortante. Ele registrou um Boletim de Ocorrência (B.O) por tentativa de homicídio contra o pai do bebê e realizou exame de corpo de delito.

Fonte: Diário do Nordeste

Cariri

Comentários