Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Vídeos

TV Diário do Sertão

Mais Acessadas

Pesquisar

Acusados de tráfico de drogas no cariri são presos pela Polícia Civil em cumprimento a mandados judiciais expedidos pela justiça do Crato

Fotos: Redes sociais

Nesta terça-feira (09), Policiais do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas da Delegacia Regional de Polícia Civil em Juazeiro do Norte (CE) cumpriram três mandados de prisão preventiva expedidos pela 2° Vara Criminal da Comarca do município do Crato(CE). Na operação foram presos Paulo Rodrigues de Sampaio, o “Paulo Quitaiús”, Cicero de Souza Silva, o “Galego Tim”, e Cosmo Machado de Oliveira, o “Alemão ou Fortaleza”.

Todos foram indiciados em inquérito policial pela prática de tráfico de drogas, apontando os investigados como responsáveis pela comercialização e abastecimento de drogas nas cidades de Juazeiro do Norte e Crato, a partir das diligências que culminaram na prisão em flagrante ocorrida no dia 30 de janeiro de 2019, ocasião em que foi apreendido 1kg de cocaína,

Segundo a polícia civil, Cosmo Machado é tido como chefe da organização criminosa e mesmo estando preso na região metropolitana de Fortaleza/CE, permanece abastecendo diversas localidades na região do Cariri, sendo auxiliado por Paulo Rodrigues na comercialização dos ilícitos.

Ainda segundo a polícia, no decorrer das investigações, restou demonstrado que a droga era destinada a Cícero de Souza, o qual se utilizou de terceiro para recebimento do entorpecente.

As diligências tiveram êxito a partir de denúncias anônimas acerca da entrega de drogas na Praça da Asa, localizada na cidade do Crato, e após andamento do inquérito policial foi possível identificar todos os autores do crime.

A polícia ainda que todos indiciados já possuem diversos registros policiais pela prática do tráfico de drogas, demonstrando a reiteração delitiva.

SERVIÇO:

A Polícia Civil solicita a ajuda da sociedade para combater o tráfico de drogas, enaltecendo que a população pode contribuir com denúncias sobre tráfico de entorpecentes e autores de crimes por meio do telefone *88 9 9997.7275 (WhatsApp), assegurado o sigilo. 

Polícia Civil

Policial

Comentários