Publicidade

Publicidade

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Vídeos

TV Diário do Sertão

Mais Acessadas

Pesquisar

Assassinatos de mulheres avançam no Ceará e já foram registrados 95 crimes do gênero em 2019

Ana Cíntia (morta em Santa Quitéria), Francivalda e a filha (Itapipoca) e Ana Klênia (Irauçuba) – Fotos: Redes sociais

Com a morte da jovem Ana Cíntia Silva de Sousa Ribeiro, 20 anos, nesta quinta-feira (13), no Município de Santa Quitéria (a 217Km de Fortaleza), subiu para 95 o número de mulheres assassinadas no Ceará, em 2019. Somente em 13 dias de junho foram registrados nove casos.

A sequência de mortes de mulheres neste mês teve início na manhã do dia 5, quando o corpo de Lucedina Teles Antunes, 41 anos, foi encontrado por pescadores na Praia da Pesqueira, no Distrito de Taíba, em São Gonçalo do Amarante, na Região Metropolitana de Fortaleza/RMF (a 55Km de Fortaleza).

Ainda no dia 5, a estudante Ana Klênia Sousa dos Santos foi estuprada e morta a facadas pelo tio, na cidade de Irauçuba, na zona Norte do estado. O assassino acabou preso em flagrante por policiais militares e confessou o crime.

No dia seguinte (6) foram registrados mais três crimes do gênero. No bairro Itambé I, em Caucaia, na RMF, moradores da Rua 3 de Maio se depararam com o corpo de uma jovem deixado pelos assassinos em via pública. A garota estava amordaçada e com tiros no rosto, sinal de uma execução praticada por membros de uma facção criminosa. Mais tarde, ela foi identificada como Laine Rodrigues da Silva, que tinha apenas 17 anos.

No bairro Rodolfo Teófilo, em Fortaleza, um crime de latrocínio (roubo seguido de morte) teve como vítima a estudante Mariana Saraiva Garcia, 21 anos. Ela foi assaltada e baleada na Rua Major Pedro Sampaio. Estava em um ponto de venda de churrasquinhos quando os bandidos apareceram. Houve um tiroteio no local e quatro pessoas ficaram feridas. Mariana ainda foi socorrida ao IJF-Centro, mas não resistiu.

Também no dia 6, Rosimeire da Silva Bezerra, 36 anos, foi morta a facadas dentro de um bar no bairro Romeirão, na cidade de Juazeiro do Norte. Um suspeito foi identificado.

Mais crimes

Na manhã do último sábado (8), uma tragédia se abateu sobre uma família na cidade de Irauçuba, na Zona Norte do estado (a 155Km de Fortaleza). Mãe e filha foram mortas a golpes de faca, dentro de casa, no bairro da Estação. Maria Erisvalda Frota, 31 anos; e sua filha, Maria Cecília Frota dos Santos, de 1 ano e 11 meses de vida, foram assassinadas pelo cabeleireiro Francisco Marlin Oliveira, 41 anos, que era o namorado da mulher. Marlin já foi preso.

No mesmo dia, por volta de 6h20, o corpo de uma mulher foi localizado pela Polícia nas margens da linha férrea que corta a Avenida Teodomiro de Castro, no bairro Álvaro Weyne, na zona Oeste de Fortaleza. O cadáver apresentava vários golpes de faca. Ninguém reconheceu a vítima no local. Dois dias, a família reconheceu o corpo na sede da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce). Tratava-se de Patrícia Sousa Pereira, 24 anos.

E no fim da tarde de ontem (13), a jovem Ana Cíntia Silva de Sousa Ribeiro, 20 anos, foi morta a tiros, com o marido, Francisco Alberto Ribeiro Alves. O crime aconteceu na localidade de Carnaúba dos Dantas, zona rural de Santa Quitéria.

Com informações do jornalista Fernando Ribeiro

Policial

Comentários